Dia do Planeta Vermelho

Quantas vezes sonhamos com o Mundo ideal? Com um Mundo onde pudéssemos estar rodeados de tudo o que consideramos essencial... amor, música, família, amigos ou simplesmente de bolachas com queijo. 

A Floresta Mágica recebeu a visita de 4 astronautas muito especiais. Vindos do Planeta Vermelho, acabando por aterrar no planeta Terra, perceberam, através de uma breve observação, que no seu planeta faltava imensa coisa. Não existiam pessoas, não havia crianças, comida ou água e faltava tanta coisa... A lista era extensa. Só existia uma cor: o vermelho. Os quatro astronautas muito curiosos na tentativa de descobrir mais sobre o que os rodeia partiram em viagem. 

E que viagem viria a ser esta... As crianças da Floresta Mágica logo se prontificaram a ajudar estes 4 novos amigos a construir e preencher o seu planeta com tudo aquilo que julgam ser essencial. O Berçário trouxe a natureza que nos recebe todos os dias ao acordar. A sala de 1 ano trouxe as casas, porque para conseguirmos viver bem todos nós precisamos de um lar. A sala dos 2 anos foi até ao Mercado do Bolhão e trouxe muitos legumes e plantas, para que não falte comida neste nosso planeta. A sala dos 3 anos trouxe o Super Joaquim, um médico de clínica geral com especialização em todas as áreas, na verdade, um Super Médico. A sala dos 4 anos visitou o Pavilhão da água e trouxe consigo um moinho de água, para que consigamos viver muito melhor. A sala dos 5 anos trouxe as estrelas, e que belas são as nossas estrelas, agora temos um céu muito mais brilhante e feliz. O A.T.L. trouxe o Sol e a Lua, as quatro estações do ano e o dia e a noite, para que possamos descansar nas nossas belas casas. 

Foi uma viagem repleta de aventuras, descobertas e muitos desafios. 
Mas isto não bastava. Estes astronautas são inquietos por natureza e depois de verem o que podiam fazer os mais pequenos, desafiaram os adultos a pensar no mesmo. 
Ao entrar na Floresta Mágica todos foram provocados com a exclamação: Tu consegues criar o mundo duas vezes! 

Entre empatia, relações, família, bolachas, massa da Avó e colo e respeito fico registado o sonho do qual não vamos abdicar! Mangas arregaçadas, cabeças a funcionar vamos construir o mesmo Mundo as vezes que quisermos!